como revender produtos importados

Nós vamos te mostrar neste material, como revender produtos importados legalmente sem comprar estoque!

Eu sei o que você deve estar pensando, “Ih, lá vem outro artigo ensinando como ganhar dinheiro fácil e sem sair de casa, deve ser esquema”. E não é por menos, a internet está forrada de artigos que prometem altos ganhos, com pouco esforço e nenhum investimento.

Nós não vamos prometer como fazer fortunas mensais com pouco esforço, até por que isso não existe. O que nós vamos demonstrar é que, com muita dedicação e organização, é possível virar um empreendedor, ganhar uma quantia de dinheiro saudável e de quebra atingir a liberdade profissional tão almejada revendendo produtos importados.

Hidden Content

Continue a leitura e veja como comprar produtos importados de lojas internacionais, e revender através de um negócio online com e-commerce.

Você também pode utilizar os atalhos abaixo para acessar o conteúdo:

O mercado de produtos importados é um  terreno fértil para quem quer trabalhar

Você certamente já foi ao Shopping comprar um presente para familiares ou uma pessoa querida e o que descobriu ao chegar lá?

Que os produtos importados valem três ou até quatro vezes mais que os produtos nacionais, além de tudo, no shopping não é possível encontrar a variedade de ofertas que existem na internet. E mesmo os produtos importados que encontramos na internet, são vendidos a preços exorbitantes.

Pois, se eu te disser que dá para importar da China os produtos por um preço muito menor – sem burlar qualquer lei – e revendê-los com um lucro que pode chegar até a 600%?

Parece muito, mas não é. Além de tudo, você será capaz de encontrar produtos para revender direto da fábrica que não estão disponíveis no mercado nacional, portanto, itens de grande desejo para o consumidor.

Ou seja, comprar para revender os produtos que as pessoas desejam adquirir e não encontram no Brasil.

Os melhores produtos importados para revenda

Se você tem dúvidas e procura coisas para revender, pode navegar em sites como Ebay, Wish, e AliExpress são lojas internacionais conhecidas por venderem produtos importados da China e EUA com qualidade, e a maioria deles não encontramos aqui no Brasil.

O resultado é uma janela aberta para revendê-los na internet. Ou seja, você tem muitas opções para escolher uma loja de importados online para comprar importados para revender

Aí você está pensando, tá, mas quais são bons produtos da China para revender produtos importados e o que vender no meu ecommerce? Posso trazer tudo o que eu encontrar pela frente e comprar para revender?

Não. Vale deixar claro que a importação deve ser pensada, principalmente em itens de desejo do seu consumidor, difíceis de serem encontrados no Brasil, entretanto, alguns produtos são mais indicados na hora de escolher importados para revenda.

Produtos importados para revenda

Aparelhos eletrônicos como Notebooks, celulares, televisores, etc. devem ser evitados – aparelhos complexos, que possuem uma chance alta de apresentarem defeito e serem taxados pelos correios. Já relógios, acessórios, pequenos equipamentos eletrônicos e objetos mais leves, são ideais para vender produtos importados.

Como comprar produtos importados para revender no Brasil?

Existem três modelos para revender produtos importados, cada um deles com as suas vantagens e desvantagens:

Importação direta

Chamamos de importação direta o modelo básico, aquele em que você compra o produto, mantém um estoque e vende ele para o cliente. Esse modelo é o menos indicado por possuir tributações elevadas e ainda ter a necessidade de um espaço para armazenar os produtos.

Importação por Trading

Trading é o modelo de importação através do auxílio de uma outra empresa. Por exemplo, você vendeu um relógio no seu site; você entra em contato com o Trading, ela vai comprar o relógio e enviar para você e depois você o envia para o cliente.

Esse é o modelo de importação sem estoque mais seguro, contudo, ele também possui altas taxas de tributação. É burocrático e você terá que incorporar o custo do Trading no preço do seu produto.

Mas se você quer mais praticidade para comprar importados, veja o tipo de importação abaixo.

Importação por Drop Shipping

Agora nós estamos chegando ao cerne do artigo, você não precisa manter um estoque para se tornar um revendedor. Existe um modelo de vendas chamado drop shipping que basicamente funciona da seguinte maneira…

Você mantém um site com todos os produtos que está disposto a vender – de acordo com o seu público alvo e dentro dos produtos que nós já aconselhamos – e após efetuar uma venda, faz a importação e pede para ele ser entregue diretamente na casa do seu cliente.

Calma, nós vamos esmiuçar: imagine que o seu site venda relógios importados, muito bem. O cliente faz a compra e o site confirma o pagamento. Você então entra no site do fornecedor – de quem você compra os relógios – efetua a compra e pede para ele entregar na casa do seu cliente.

Agora você entendeu porque o drop shipping é uma ótima forma de comprar produtos importados? Assim você elimina os custos e toda a logística de manter um estoque.

Saiba mais sobre drop shipping nesse infográfico:

>> [Infográfico] Como Trabalhar de Casa e Ganhar Dinheiro com Drop Shipping <<

Quais são as vantagens de revender produtos importados com o drop shipping?

vantagens trabalhar com drop shipping

Manter um estoque, normalmente, atrela vários custos ao produto. Como o salário dos funcionários que organizam o estoque, o custo das entregas – ou o custo de enviar pelos correios – o estoque também exige um planejamento de logística mais aguçado, para conseguir organizar tudo sem perder ou estragar nenhum produto.

Ou seja, são vários custos para manter um estoque que você precisa ficar atento.

Já com o drop shipping, todos os custos de envio e estocagem ficam por conta do seu fornecedor. É ele quem vai embalar e enviar o produto, você só  terá de acompanhar a compra até que seja entregue no endereço correto.

Mas e quanto as desvantagens do drop shipping?

Evidente que nem tudo são flores ao comprar para revender. O fato do produto não estar estocado em algum lugar controlado por você faz com que o tempo de espera entre a compra e a entrega seja elevado.

Por isso, lembre-se de deixar sempre bem claro para os seus clientes que o seu tempo de entrega é um pouco maior do que o tempo de um site comum.

Mas, a boa notícia é que os seus preços também serão bem menores, então um cliente organizado terá o produto desejado, na data esperada e por um preço muito atraente. Se você escolher o produto certo, e apresentá-lo para o cliente certo, muitos deles terão paciência de esperar a entrega.

O que é preciso para começar a revender produtos importados?

Então está bem, agora você já sabe qual é o modelo de negócio e já entendeu um pouco sobre comprar importados e sobre o método drop shipping. Quer abrir um site e começar logo a revender produtos importados. Pois vamos lá, aqui vão algumas considerações e perguntas que talvez você tenha em mente.

Qual é o meu investimento inicial?

É evidente que esse assunto acaba sendo específico para cada caso. Contudo, algumas coisas são fundamentais na hora de começar a revender produtos importados:

  • Um bom site; um site bonito e funcional é primordial para o sucesso da sua empresa; Existem plataformas especializadas em venda de produtos importados que entregam lojas virtuais prontas a um preço acessível. Veja aqui alguns modelos de lojas virtuais que você pode instalar com um clique.
  • Uma boa divulgação; é bem verdade que no começo a divulgação será feita entre amigos e contatos da internet, contudo, vale deixar esse item em mente na hora de começar o seu empreendimento Como por exemplo a divulgação pelo Facebook e também no Instagram.

A resposta para o seu investimento inicial passa por essas duas questões, pesquise bastante sobre elas e procure descobrir quais são os melhores serviços de custo/benefício nestes dois itens.

Sempre escolha fornecedores confiáveis

O fornecedor é o melhor amigo do importador. Jamais faça acordos ou entre em esquemas que são obscuros e incertos. Se você procura um bom site internacional de compras, vamos falar de alguns dos mais conhecidos, confiáveis e seguros para comprar e revender importados. Seja para importar dos EUA ou China.

Lojas internacionais para comprar produtos importados

Dito isso, os fornecedores mais comuns e os que são ótimos para quem está começando são o AliExpress, Alibaba, TinyDeal, GearBest e o Minil The Box, também existe o Wish, mas esse último costuma demorar um pouco mais nas suas entregas.

AliExpress

Um dos maiores ecommerces do mundo, o AliExpress ultrapassou a marca de 250 milhões de compradores ativos no território chinês, representando aproximadamente 60% do volume de entregas do país.

Esse gigante marketplace atua como a ponte entre compradores do mundo inteiro com vendedores da China, que podem ser empresas ou indivíduos.

>> Tutorial: Como fazer drop shipping no AliExpress na prática <<

GearBest

Conhecida principalmente por vender vários tipos de aparelhos eletrônicos, mas também trabalha com roupas, acessórios para casa e jardim, brinquedos, e outras categorias. A GearBest é conhecida também por disponibilizar frete grátis de todos os produtos para o mundo inteiro.

Minil The Box

Loja de importados que vende para clientes de 200 países, com missão de oferecer produtos ao menor preço possível para quem compra no atacado e também no varejo.

Tiny Deal

Outra loja da China, começou em 2007 e se tornou confiável por oferecer produtos de diversas marcas e modelos. Possui categorias de produtos similares ao AliExpress, inclusive o site também conta com um campo de avaliações de compradores nas páginas dos produtos.

Portanto, se vai trabalhar com importados online, você deve estar atento aos sites mais seguros antes de fazer compras internacionais.

A regra de outro é: quando algo for bom demais para ser verdade, provavelmente é mentira. Eu sei, nós estamos sendo muito honestos e talvez isso assuste, mas é bom deixar claro. A nossa intenção não é criar um mapa do tesouro, é conversar francamente sobre uma oportunidade de crescimento financeiro baseada em resultados reais.

Não tente ganhar boladas de dinheiro em pouco tempo

Sim, essa dica vai na contramão de tudo o que você encontra na internet. Nós não estamos criando um super esquema maravilhoso de como vencer na vida em pouco tempo. O segredo é manter a cabeça fria e se organizar de modo que o seu desenvolvimento seja gradual.

É evidente que você não precisa quebrar a cabeça por muito tempo, o nosso artigo é justamente para fazer com que você corte algumas etapas e já saia preparado para o mercado, contudo, esqueça a promessa de dinheiro fácil. Esforço, organização e planejamento são as chaves para conseguir atingir as suas metas.

Cuide da sua loja virtual

O seu site será o único contato entre o cliente e os seus produtos. Não adianta encontrar um ótimo fornecedor, conseguir entregar em tempo recorde e vender por um preço atraente, se o seu site estiver capenga e caindo aos pedaços.

Você precisa de uma boa estrutura para revender produtos importados em um site de boa qualidade.

Vamos usar o exemplo do Shopping, as lojas mais bonitas e organizadas são sempre àquelas que têm mais respeito do público. Portanto, manter um site funcional e agradável é o mínimo que você precisa fazer.

Eu não entendo nada de sites, o que eu faço?

Olha só, nós estamos em 2018 e “não entender nada de sites” deixou de ser uma desculpa faz muito tempo. Existem hoje inúmeros sites e serviços que te ajudam a elaborar uma página na internet quase sem trabalho nenhum.

E o melhor, existem várias plataformas com ferramentas automatizadas para revender produtos importados.

Com links, vídeos e ferramentas simples de usar, esses sites auxiliam em todos os passos na criação de um site. Com uma pesquisa rápida você vai descobrir uma infinidade de serviços – muitos deles gratuitos – que poderão te ajudar a criar um site. Na dúvida, digite no Google “como criar um site grátis” e seja feliz.

Conheça a técnica grátis + frete

Poucas pessoas conhecem a técnica grátis + frete para anunciar e vender produtos na internet com drop shipping. Desenvolvemos um infográfico para você entender melhor como funciona e porque você deve aplicar no seu ecommerce.

>> [Infográfico] Como Vender na Internet Produtos com a Técnica Grátis + Frete <<

Mas tudo isso para revender produtos importados vai valer a pena?

vale a pena revender produtos importados

Chegou a hora de apresentar alguns argumentos para que você se convença de que a importação pode ser o seu passo mais importante rumo a independência financeira. Vamos enumerar outras vantagens desse modelo de negócio:

1. Os fornecedores nunca estiveram tão confiáveis

Como tudo na era digital, o começo foi confuso e até incerto. Os fornecedores costumavam demorar muito nas entregas, o contato entre o site e o comprador era difícil, enfim, as coisas não eram fáceis. Entretanto, nos últimos anos surgiu uma gama de sites e fornecedores que são extremamente confiáveis, com ótima comunicação e excelentes resposta aos clientes.

2. Tem muito espaço no mercado

Apesar de não ser uma atividade recente, ainda existe uma resistência grande por parte da maioria das pessoas na hora de abrir um site e virar um importador.  Não dá para negar que virar o próprio chefe implica em riscos e compromissos que grande parte das pessoas não está verdadeiramente disposta a assumir.

Sendo assim, aí está a sua oportunidade.

Além disso, existe uma porção de pessoas que não sabem escolher coisas para revender, e trabalham com produtos comuns, de baixa qualidade e que são facilmente encontrados em qualquer loja física. Você precisa saber escolher os produtos vencedores!

3. Está funcionando para as pessoas que têm coragem

Agora nós vamos conversar diretamente com você que está disposto a assumir o controle da sua vida financeira. Não dá para passar o resto dos seus dias implorando para o chefe dar um aumento que talvez nunca chegue – e que quando chegar, você já estará valendo mais do que o valor do aumento.

Existem exemplos de pessoas que se dedicaram a essa atividade. Começaram com humildade e aceitando os ganhos módicos. Se organizaram e agora estão gerenciando os seus sites e trabalhando para construir a sua vida financeira.

Como importar produtos: Dicas extras para não correr riscos

Nunca deixe de aprender

Dica fundamental para revender produtos importados: Não existe lugar mais perigoso para um importador do que estar acomodado no sofá de casa e longe das pesquisas.

Preços, legislações, tipos de importação e políticas dos fornecedores mudam constantemente. Um bom empreendedor está sempre atualizado sobre o mercado e buscando cursos para manter-se sempre capacitado. Estudando outras lojas de revendas de produtos importados.

Não compre muitos produtos de uma vez

Você lembra quando nós dissemos para não tentar ganhar boladas de dinheiro em poucos dias? Pois é, você jamais deve comprar vários produtos de um fornecedor – ainda mais se ele for um fornecedor novo – sem antes fazer um bom teste e conhecer o sistema de envio.

O modelo drop shipping acaba anulando esse erro automaticamente, pois, você só vai comprar os produtos que já estiverem vendidos, contudo, é sempre bom lembrar. Evite fazer compras enormes em uma tacada só.

Cuidado com as suas informações

Os sites acessados são de países distantes e alguns deles podem ter políticas sobre o envio de informações como cartão de crédito, número da conta, etc. Jamais dê as suas informações pessoais para sites que você não conhece a idoneidade.

Na dúvida, pesquise e se não conseguir encontrar informações válidas sobre aquele site, não faça negócios com ele.

Utilize as redes sociais para vender

É inegável que hoje as redes sociais tem um poder incrível para divulgar e até vender. Plataformas como Facebook e Instagram funcionam como vitrines para vender produtos, já que, contam com milhares de usuários ativos todos os dias.

Revenda importados também nas redes sociais, se você buscar conhecer as ferramentas e entender como as pessoas as utilizam, é possível ganhar dinheiro no Instagram, Facebook e demais redes sociais.

Assista um vídeo e veja como começar

Neste material você aprendeu muito sobre revender produtos importados e talvez agora você esteja sem fôlego, são muitas dicas e informações.

Modelos de negócios, legislações, sites, formas de comprar e revender produtos… uau, eu sei. Mas mantenha a calma, nós estamos aqui para facilitar as suas decisões.

O mercado de importações está com as portas abertas para quem quer empreender. Se você ficou interessado no assunto, confira um vídeo com mais detalhes sobre as formas eficientes para revender produtos importados sem a necessidade de investir em estoque, clique aqui para assistir.

É hora de empreender e agarrar essa oportunidade incrível. Note que no mundo moderno, quem sai na frente sempre acaba se destacando e atingindo grandes patamares. Em 1 ou 2 anos, as pessoas vão se perguntar como não viram essa oportunidade antes.

Pois agora é a sua chance de tomar o controle da situação e agir, você tem todas as ferramentas necessárias para dar um salto e encontrar o ponto de virada na sua vida financeira e profissional, não perca essa oportunidade.

Artigo publicado em 30/04/2018 e atualizado em 12/09/2018.
  • tenho uma dúvida se vender produtos pelo drop shipping, eu compro por um valor x e vendo com outro valor, quando chegar o produto na casa do cliente, o cliente vai perceber que foi entregue com outro valor… como funciona eu não entendo como funciona..

  • Já tentei. Mas, não deu certo por conta de não ter estas dicas. Mas vou tentar novamente depois desta dicas. Vou me informar melhor e vou montar um site com uma plataforma definida.

  • Boa noite quero muito revender roupa como que eu faço esse é meu WhatsApp por favor entre em contato comigo 11958547954

  • Boa tarde, vocês estimulam o dropshipping e comentam sobre evitar tributação. Mas não comentam sobre como legalizar este comércio, evitar a tributação é sonegação. Existe algum plus a colocar na matéria referente a este assunto? talvez como revender legalmente produtos importados sem comprar estoque seria o titulo ideal. Abraço!

  • Oi Rodolfo Martins Parabéns pelo blog, obrigado pelas informações miforam muito útil.

  • Oi Rodolfo, Estou estudando a possibilidade de abrir um site para venda de produtos importados e sua matéria me ajudou munto a entender algumas coisas.

    Só tenho uma duvida com o modelo dropshipping, caso o meu produto seja taxado pela alfandega quem pagaria a taxação ?

    Obrigada pelas dicas.

    • Olá Geisa. Que bom que os conteúdos estejam te ajudando. Nós sempre indicamos aos nossos alunos que o logista pague a taxa, oferendo assim um serviço completo para o cliente. Lembrando que de acordo com vários parceiros e alunos, o método de entrega com e-packet não está sofrendo taxação.

  • Gostaria de tirar algumas dúvidas a respeito do dropshinpin. Quando agente faz a venda ao cliente, devemos emitir nota fiscal? Outra dúvida é quando o cliente fecha o pedido, neste instante devemos fazer o pedido ao fornecedor e comprar o produto com nosso cartão de crédito?

    • Olá Silvana. Sobre a regularização fiscal sempre indicamos conversar com um especialista em contabilidade, pois cada negócio exige um tipo de enquadramento. Nós convidamos um profissional da Tactus para explicar melhor em uma Aula Gratuita: https://www.empreendaecommerce.com.br/aula-gratuita-regularizacao-dropshipping/

      Sobre a sua pergunta em relação ao pedido, você pode comprar pelo seu cartão de crédito, solicitar um cartão de crédito pré-pago ou até pagar através de boleto bancário.

      Espero ter ajudado. Conte conosco e se desejar pode conversar também no WhhatsApp: (31) 9 9290-1516.

  • Como faço pra vender por exemplo, pelo wish?!

    São de 2 a 3 meses de prazo de entrega.

    Tem algum site nesse estilo, preço e confiança, só que nacional?!

    Tenho o costume de comprar pelo Wish, sou de Cáceres-MT, e o prazo de entrega é de 2 a 3 meses.

    • Cristine. Nós sempre indicamos comprar o AliExpress, além da variedade de produtos possui diversas ferramentas de integrações especializadas para dropshippers. Bem como uma gama de fornecedores que estão acostumados a vender com drop. O prazo de entrega também é uma grande vantagem, já que temos visto um grande número de encomendas chegarem com menos de 30 dias.